quinta-feira, 6 de agosto de 2009

DESCOMPASSO


Quando a gente percebe o coração
batendo diferente, acelerado,
como se houvesse uma recordação
que o fizesse bater descompassado,

Percebe então que o coração, coitado,
descobriu que não era uma ilusão,
o fato de ter, súbito, voltado
a bater por alguém, com devoção.

E ainda o que não tinha acontecido
há tanto tempo, e por qualquer razão,
como se houvesse o coração morrido,

Volta, subitamente, e a emoção
contorna o descompasso acontecido,
ao trazer novo amor ao coração.
Théo Drummond

0 comentários: